Futebol | Assessoria CBF | 12/06/2024 08h50

Dorival Junior projeta amistoso contra os Estados Unidos

Compartilhe:

O técnico da Seleção Brasileira, Dorival Júnior, deixou claro nesta terça-feira (11) que as disputas estão abertas e não quis adiantar o time que enfrenta os Estados Unidos, nesta quarta-feira (12), em Orlando. O amistoso será o último teste do Brasil para a disputa da Copa América, que será aberta no dia 20. No sábado (8), a Seleção venceu o México, por 3 a 2, no Texas.

"Na partida anterior, eu tinha como obrigação observar jogadores e botar as disputas em aberto. Seleção é o momento, é aproveitar o melhor de cada um no instante em que estão brigando por posição", afirmou o treinador, na entrevista coletiva realizada nesta terça no Camping World Stadium.

O amistoso será a quarta partida de Dorival no comando da Seleção. Além da vitória contra os mexicanos na semana passada, o Brasil venceu a Inglaterra por 1 a 0, em Wembley, e empatou com a Espanha, por 3 a 3, no Santiago Bernabéu, na Espanha.

Para a partida contra os Estados Unidos, o treinador avisou que a Seleção vai manter o estilo consagrado pelo futebol brasileiro e prevê uma evolução da equipe.

"É um processo de evolução natural. No futebol, você não queima etapas. Em todos os treinamentos, colocamos movimentos e comportamentos que queríamos e necessitamos que assimilem rapidamente para encontrar um caminho mais seguro. Esse equilíbrio vai acontecer dentro da própria Copa América", disse Dorival Júnior.

"Quero que os jogadores usem e abusem do um pra um, com fintas e jogadas. Essa é a essência do nosso futebol. É uma equipe jovem e muito madura pela pouca idade. Sinto coisas boas e positivas que poderemos fazer em campo", acrescentou.

Dorival elogiou o time dos Estados Unidos, que vai enfrentar no Camping World Stadium, em Orlando. O estádio é conhecido pelos fãs mais antigos do futebol. A arena foi uma das noves sedes da Copa do Mundo de 1994. Na ocasião, o Camping World Stadium era chamada de Citrus Bowl e abrigou cinco partidas do Mundial vencido pelo Brasil.

"É um time que joga um pouco mais com posse de bola, tem marcação alta e agressiva. Não tenho dúvidas de que teremos um jogo bem difícil e complicado. Podem esperar um jogo bem disputado, é o que eu acredito que teremos e espero que estejamos preparados", completou.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS