Personalidade | Marcelo Eduardo da Silva/ Da Redação | 15/09/2008 14h37

Personalidade: Henrique Thomas

Compartilhe:

Henrique Thomas

Com 22 anos de idade e, há 11 anos praticando basquete, Henrique Thomaz (jogador do Nosso Time, da Capital) tornou-se bicampeão da disputa de enterradas na 2ª edição dos Jogos das Estrelas do Basquete Sul-mato-grossense, realizada dia 6 de setembro, no ginásio do Sesc Camillo Boni, na Capital.

Cada um dos nove participantes inscritos na competição tinha direito a três tentativas. Cinco jurados davam notas de um a cinco; o resultado final de cada atleta era a soma das notas em seu melhor desempenho. Os três primeiros passavam para final, disputada logo em seguida.

Para repetir o feito de 2007, Henrique inovou em suas acrobacias. Como obetve a melhor nota na classificação, foi o primeiro finalista a entrar em quadra. Espantou a todos da arquibancada, quando veio à quadra com uma cadeira (daquelas de plástico, de varanda de bar] em cada mão. Ele as colocou em frente à cesta.Tomou distância, indo ao centro da quadra. Correu e saltou sobre as cadeiras convertendo sua primeira tentativa. Logo após, colocou mais uma cadeira. Mais uma vez, enterrou. Não satisfeito, acrescentou outra. Para dificultar ainda mais, um colega de equipe sentou-se em uma delas. Novamente, Henrique tomou distância, correu, saltou com grande impulsão e... cesta.

Após a conquista, o atleta conversou com o Esporte Ágil e disse estar "extremamente feliz com seu desempenho". Ele treina três horas por dia, durante a noite, em um local adaptado em sua casa. Também faz duas horas por dia de academia para ter bom condicionamento muscular.

Nascido dia 06 de janeiro de 1986, em Mundo Novo, mas há bastante tempo morando em Campo Grande, ele nos relatou uma história interessante ocorrida na primeira vez em que voltou para sua cidade natal: "Fui lá e vi muitas cestas colocadas em frente das casas. Acredito que tenha sido eu o causador", relata com risos. "Fui o primeiro a fazer isso. Antes, só se via o pessoal jogando bola. Depois de mim, acredito, essa prática do basquete na frente de casa, passou a existir em Mundo Novo."

Em segundo lugar ficou Edson Junior (Neon Concursos) e em terceiro Nélio Winder Marques (Neon Concursos).

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS